RDC 52: Você sabia que as visitas aos seus clientes devem ser mensais?

RDC 52: Você sabia que as visitas aos seus clientes devem ser mensais?

Quando se fala em controle de pragas e dedetização, muitos donos de comércio ficam preocupados com a periodicidade que as visitas para desinfetar o estabelecimento devem ser feitas. 

Para garantir que os locais estejam de acordo com as normas de vigilância sanitária predeterminadas pela Anvisa, foi criada a RDC 52, uma lei específica para empresas especializadas na prestação de serviço de controle de vetores e pragas urbanas. Continue a leitura iremos explicar o que é a RDC 52

A Resolução da Diretoria Colegiada, ou simplesmente RDC como é conhecida, é um conjunto de leis que predispõem sobre vigilância sanitária e saúde. Essas leis contém uma série de regras para serem seguidas, principalmente em estabelecimentos públicos, como bares e restaurantes. 

A RDC 52, de 22 de outubro de 2009, é válida em todo o território nacional e dispõe especificamente sobre o funcionamento de empresas especializadas na prestação de serviço de controle de vetores e pragas urbanas e também dá outras providências sobre essa área. 

O ponto que ganha mais destaque na lei é a definição presente na Seção 3: “II – Controle de vetores e pragas urbanas: conjunto de ações preventivas e corretivas de monitoramento ou aplicação, ou ambos, com periodicidade minimamente mensal, visando impedir de modo integrado que vetores e pragas urbanas se instalem ou reproduzam no ambiente.”

Esta definição exige que, ao menos uma vez por mês, os estabelecimentos recebam uma visita especializada de empresas que atuam com controle de pragas para fazer uma inspeção no local e ver se está tudo em ordem. Essas visitas são extremamente importantes para evitar pragas urbanas e podem prevenir doenças infectocontagiosas também. 

RDC 52: Você sabia que as visitas aos seus clientes devem ser mensais?


Ainda nesta seção da RDC 52, está especificado que as dedetizadoras que fazem as visitas devem ser licenciadas pelos órgãos de saúde e do meio ambiente, além de usarem os EPIs (Equipamentos de Proteção Individual) necessários para preservar a saúde, segurança e integridade física do trabalhador. 

Também consta na RDC 52 que a dedetizadora deve possuir licença ambiental ou algum termo equivalente, sendo isso um documento que licencia a empresa especializada a exercer atividade de prestação de serviços de controle de vetores e pragas urbanas, que é concedida pelo órgão ambiental competente. 

As visitas mensais são importantes para o estabelecimento pois, além de prevenir pragas e doenças, garantem que o local funcione por mais tempo e dentro das determinações da Anvisa. Se o estabelecimento não estiver de acordo com as regras de vigilância sanitária, ele pode ser interditado por tempo indeterminado e em certos casos, até fechado. 

Muitos donos de comércios não sabem disso, e deixam para fazer o controle de pragas a cada 6 meses ou 1 ano. Isso pode ser prejudicial tanto para a empresa dedetizadora quanto para o estabelecimento. 

A EasyOS é uma plataforma digital móvel criada para o segmento de controles de pragas, otimizando o preenchimento de ordens de serviço e disponibilizando relatórios estatísticos para seus clientes, atuando de acordo com as especificações da RDC 52, evitando erros de preenchimento que podem prejudicar a empresa. 

O que você acha da RDC 52? Não esqueça de comentar para nós! Quer saber mais sobre esse assunto? Então clique aqui.

Deixe um comentário